DestinAção Criança

#Dia de Doar
novembro 8, 2018

Projeto Baobá, participou do evento DestinAção Criança

 

Música, dança, movimentos sincronizados, alegria e muitos aplausos marcaram a terceira edição do evento Destinação Criança, que foi realizado na noite desta terça-feira (6), no Teatro Municipal Braz Cubas.

Participaram das apresentações em torno de 400 crianças e adolescentes atendidas em 16 projetos sociais já financiados ou não pelo Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (FMDCA). O evento é uma forma de sensibilizar o público a contribuir com o financiamento de novos projetos, além de prestar contas para aqueles que já colaboram.

O resultado do financiamento aos projetos não ficou evidente apenas nas exibições sob os holofotes, mas no depoimento de pessoas que atuam em programas sociais.

 

A solenidade contou com apresentações de capoeira, dança de rua, maracatu, dança em cadeira de rodas, violão, balé, dança afro, e coreografias de entidades como Centro de Aprendizagem e Mobilização Profissional e Social (Camps), Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae),  Fundação Settaport, Instituto Brasileiro de Desenvolvimento Social, Núcleo de Reabilitação do Excepcional São Vicente de Paulo (Nurex), Arcanja Rafael, Tia Egle, Associação Lêda, UACEP, Afrosan, CAF-CM, entre outras.

 

O presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), Edmir Nascimento, reforçou a importância da participação da comunidade. “Por meio desses projetos financiados pela própria sociedade, podemos assegurar que crianças e adolescentes, muitas em situação de vulnerabilidade, tenham seus direitos preservados”.

Como doar

As doações podem ser feitas até o último dia bancário do ano por quem faz a declaração do IR pelo modelo completo. A iniciativa permite incentivar programas assistenciais com o apoio da Receita Federal, por intermédio do FMDCA. Pessoas físicas podem contribuir com até 6% do Imposto de Renda ao longo do ano, enquanto empresas (pessoas jurídicas) podem doar até o limite de 1% do lucro real. O interessado deve acessar a seção “doações diretamente na declaração”. O próprio programa vai calcular o valor. Depois, é só destinar a quantia para o FMDCA. Para quem tem valores a restituir, não há ônus algum, pois, posteriormente, o valor doado é totalmente devolvido pela Receita Federal, corrigido pela taxa Selic.

Em 2016, por meio do Destinação Criança, o CMDCA reverteu R$ 2 milhões para 12 projetos, que beneficiaram mais de 4.300 crianças e adolescentes.

Antes de fazer a declaração do IR, o contribuinte pode também consultar o contador para saber se é possível fazer a doação. O passo a passo pode ser consultado no site: www.santos.sp.gov.br/cmdca, na página “Doação direto na declaração IR”. Dúvidas podem ser esclarecidas pelo email [email protected] ou pelo telefone 3271-2377.